7 A 10 DE SETEMBRO
Expo Center Norte - SP
Entrar / Cadastrar

TELEVENDAS: (11) 3181-5197

WHATSAPP: (11) 97961-0275

Início NOTÍCIAS Estética Estética teen: ajude seu cliente durante a explosão de hormônio e conflitos

Estética teen: ajude seu cliente durante a explosão de hormônio e conflitos

0
923

O profissional de estética deve ter habilidade e opções de tratamentos para ajudar esse público durante essa fase complexa e cheia de inseguranças

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBD), a procura por procedimentos estéticos por adolescentes, entre 14 e 18 anos, mais do que dobrou nos últimos quatro anos. Isso mostra que esse público tem se preocupado bastante com a estética e sua aparência.

E como profissionais da área estética, precisamos estar atentos, pois existem diversos procedimentos que são contraindicados para pessoas nessa faixa etária, até porque eles ainda estão em formação.

Os procedimentos mais ablativos e invasivos são os que não devem ser feitos por eles, mas assim como em outras ocasiões, tudo depende de uma avaliação precisa antes de se iniciar qualquer procedimento.

Sinal verde!
Se você tem tido, em seu consultório ou clínica, a presença desse perfil de cliente, vale dizer que, apesar de alguns procedimentos serem contraindicados, há muitos outros que podem ser utilizados nessa fase.

Até porque, é justamente, nesse período, devido a fatores hormonais que surgem a acne; por causa do ‘estirão’ (ou crescimento rápido), surgem as estrias; e quando há sedentarismo e hábitos alimentares ruins, a fibro edema gelóide (ou, popularmente conhecida como celulite) e a gordura localizada.

Os tratamentos convencionais para esses possíveis incômodos, que costumamos aplicar em adultos, podem ser utilizados nos adolescentes. É claro que há algumas exceções, mas o ponto positivo é que na cosmetologia já podemos contar com produtos específicos para essa faixa etária, embora ainda tenhamos muito que avançar.

Compreender é preciso
Cada perfil é diferente e, mesmo dentro de um mesmo perfil – sejam adolescentes, jovens, meia idade ou idosos –, há diferenças entre as pessoas e, por isso, afirmo que nunca encontro dificuldade em lidar com esses clientes mais novos. No entanto, antes de iniciar meu trabalho com esse público, comprei diversos livros sobre a adolescência para compreender um pouquinho mais esse universo e descobri que, apenas tratando eles como indivíduos únicos, respeitando seu espaço e não tratando eles como “crianças”, que é algo feito por alguns pais, é que conseguimos seu respeito, admiração e até gratidão por auxiliá-los em um momento tão delicado.

Atenção e respeito
Sempre voltamos nosso trabalho para o bem-estar e, embora não sejamos “psicólogos”, é incrível o resultado que conseguimos em relação a autoestima desses adolescentes e em seu convívio social.

Infelizmente ainda não são muitos os profissionais que se dedicam ao atendimento de adolescentes. Além de uma divulgação mais detalhada e especifica para esse público, as clínicas deveriam ter algo mais personalizado para recebê-los e não os tratar apenas como “filho da cliente”.

A adolescência é um período essencial para o desenvolvimento humano, momento onde ocorrem muitas transformações físicas e biológicas e a puberdade é responsável, direta ou indiretamente, por tudo o que acontece nessa fase da vida. Esse período é a ponte entre a infância e a fase adulta, momento no qual existe uma preocupação excessiva com a aparência e muitas inseguranças.

É neste momento ainda que, devido ao aumento de níveis hormonais e o estirão (crescimento rápido), ocorrem muitas alterações inestéticas. E é nesse momento que o profissional da saúde estética tem que estar preparado para receber e auxiliar esse adolescente, pois se trata de seres humanos buscando seu lugar e, com carinho e respeito podemos entendê-lo durante esse período de complexidade chamado “adolescência”.

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu nome aqui
Por favor digite seu comentário!