7 A 10 DE SETEMBRO
Expo Center Norte - SP
Entrar / Cadastrar

TELEVENDAS: (11) 3181-5197

WHATSAPP: (11) 97961-0275

Início Beauty Fair 2019 “Curei a depressão fazendo unhas”, diz Rick Gomes

“Curei a depressão fazendo unhas”, diz Rick Gomes

0
1705

O profissional vai estar presente no Congresso de Manicures e compartilhará sua história de superação e sucesso

Com apenas 25 anos e quase uma década trabalhando como um dos poucos manicures do sexo masculino do País, Rick Gomes estará presente no 14º Congresso de Manicures, que acontece no dia 8 de setembro na Beauty Fair (inscreva-se aqui!), ao lado de outros profissionais, como Cecília Alves, Ana Paula Villar e Sheila Nunes.

Hoje, Rick Gomes administra uma esmalteria própria na cidade de Santos e planeja lançar sua marca de esmalte. Mas nem sempre foi assim. Durante o caminho de descoberta da sua vocação, ele se frustrou tentando fazer outras atividades, o que lhe causou depressão. Quando se deu conta do seu talento para fazer unhas, passou a dedicar-se à formação profissional, fez diversos cursos e aperfeiçoou suas técnicas. Os detalhes dessa história de sucesso ele vai contar na Beauty Fair, no dia 8 de setembro, e você está convidado a participar. É só clicar aqui para ter acesso à programação e todos os detalhes.   

De volta ao passado
Nascido em Santana de Parnaíba, interior paulista, Rick Gomes foi criado pela mãe, dona Rosedalva, cabeleireira, que passava quase a metade do dia no salão para sustentar ele e seu irmão. Ainda criança, curioso e sensível, passava horas observando a rotina do negócio.  Mas tudo mudou mesmo quando completou 17 anos. “Minha mãe engravidou e foi embora para formar uma nova família e passamos a morar com a minha vó”, lembra.

A falta que o adolescente sentia da convivência com mãe o levou a buscar afeto em amizades nem sempre positivas. “Passei a andar com pessoas erradas e acabei usando drogas”, conta. Rick decidiu investigar o paradeiro da dona Rosedalva e reencontrou a mãe ainda na cidade de Santana de Parnaíba, onde tinha aberto um novo salão.

Decidido a aprender a profissão da mãe, começou pelos cortes de cabelo. Depois fez curso para aplicar maquiagens e produzir penteados. “Mas não era isso que queria. Faltava algo, estava insatisfeito e isso acabou me levando à depressão”, conta. Quer saber como  a história de Rick termina? Inscreva-se já no 14º Congresso de Manicures, da Beauty Fair, clicando aqui!

Por Priscilla Arroyo
Fotos: Reprodução Instagram

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu nome aqui
Por favor digite seu comentário!