Início Destaques Coisas de mulher: barba, cabelo e bigode

Coisas de mulher: barba, cabelo e bigode

0
751

Tradicionalmente habitado pelos homens, o universo da barbearia está cada vez mais repleto da presença feminina


As mulheres vêm conquistando espaços e ocupando ambientes, seja na sociedade ou no mercado de trabalho, que antes eram predominantemente masculinos. E, aos poucos, elas têm assumido tesouras e navalhas nas barbearias e afirmam que chegaram para ficar.

Bruna Giusti (Foto: Divulgação)

De certa forma, as mulheres têm levado mais delicadeza e uma atenção maior aos detalhes e têm recebido muitos elogios dentro dos espaços de beleza. “A barbeira mulher é muito delicada, detalhista e tem essa sensibilidade para conseguir fazer um trabalho mais caprichado. Não que o homem não tenha, mas com a delicadeza feminina ela consegue se sair melhor nos detalhes e tem sensibilidade. Temos crescido muito e conquistado um espaço que só vai aumentar”, diz a barbeira Bruna Giusti.

“Temos potencial de fazer um bom nome nesse mercado; por mais que existam outras mulheres e seja competitivo. Eu falo que vamos revolucionar a barbearia no Brasil, quiçá no mundo todo. Temos muito o que mostrar e não mostramos nem o mínimo que podemos fazer!”, complementa a empresária Fran Dias, que tem uma barbearia em Belo Horizonte com um time composto só por profissionais mulheres.

Nat Silva (Foto: Divulgação)

Desafios e preconceitos
Se o mercado de beleza por si só traz grandes desafios, ingressar em um ramo tradicionalmente masculino pede muita postura e segurança. Isso porque, muitas vezes, a falta de confiança, o machismo, a incerteza e o pensamento de “mas uma mulher fazendo minha barba?” são degraus enfrentados pelas barber girls. A barbeira Nat Silva ressalta que, muitas vezes, o preconceito não vem do só cliente, mas também da gestão do espaço. “Já vi muita barbearia que não contrata mulher, simplesmente porque não. Ou que contratam para ela ser o bibelô da casa, o que pode acabar te colocando numa posição onde o seu trabalho não vai ser valorizado. E pra isso tem que ser bonita, tá?”, afirma com indignação.

A barber Bruna conta também que a mulher costuma ser muito mais cobrada quando o assunto é posicionamento e postura e que é fácil confundirem gentileza com interesse. “Estamos em contato direto com o cliente, precisamos de muita disciplina e ser bem radical para que não haja mal entendimento”, diz.

Mulher na liderança 

Fran Dias (Foto: Divulgação)

Apesar de ser diferente, não é incomum muitas barbearias estão sendo comandadas por mãos femininas. A empresária Fran Dias, por exemplo, é uma das gestoras que apostou em um salão composto só por mulheres. Segundo ela, a curiosidade dos clientes desde a inauguração deu estímulo e ajudou na construção do sucesso. “Eles tinham curiosidade, mas também receio. Eu acredito que se (o time) fosse apenas de homens, a gente teria feito sucesso antes. Mas, hoje, os clientes preferem ser atendidos por nós”, enfatizou a empresária.

Formação
Para se destacar no setor, uma boa formação é essencial. Bruna lembra que no início da carreira não tinha uma, mas com o tempo entendeu a necessidade. “O que eu fiz, para saber o básico, foi usar o que eu tinha em mãos que é o acesso à internet. Pesquisei no Google, fiz um caderno de anotações e assisti a vídeos no YouTube. Isso não supre o conhecimento que adquirimos quando fazemos cursos, workshops e congressos. Hoje tem muitas oportunidades pra isso, para a formação”, enfatizou.

(Foto: Monique Carvalho)

E foi pensando na formação dos profissionais do segmento barber e apostando no crescimento dessa área que a Beauty Fair criou o Congresso Internacional de Barbearia, realizado na última edição da feira, e que abrangeu não só conhecimentos técnicos da área, como inovações e tendências, mas também questões relacionadas a gestão e atendimento. Diante do sucesso do evento, em 2019, a Beauty Fair terá uma segunda edição do Congresso Barber e você já pode se inscrever clicando aqui.

 

 

Por Isabela Lessak

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu nome aqui
Por favor digite seu comentário!