Início NOTÍCIAS Hair A ESCOVA PERFEITA

A ESCOVA PERFEITA

0
1486

Fazer uma escova no salão de beleza pode ser uma das melhores maneiras de transformar um look ou um corte de cabelo em uma produção especial. O hairstylist e um dos membros do time artístico da Taiff, Douglas Moura, confirma que o profissional tem o poder de deixar o cabelo com uma aparência melhor se souber utilizar todos os métodos que uma boa escova exige. “Você consegue transformar um visual acrescentando detalhes que sejam inusitados naquele look e que realmente consigam fazer uma composição bacana”, comenta Douglas.

Para conseguir essa composição citada pelo Douglas, o profissional precisa saber manusear tanto as ferramentas que têm em mãos quanto o cabelo que está cuidando. Saiba como fazer um bom proveito das escovas, secadores e até mesmo uma análise dos fios para deixar os cabelos de todas as clientes impecáveis!

Escova

Você sabia que os modelos de escova influenciam diretamente na modelagem dos fios? Para ajudar quem está iniciando na profissão, Douglas explica que as escovas com cerdas de dupla altura são ideais para alisar, já as vazadas são mais indicadas para modelar as madeixas. Então, dependendo do look desejado, o profissional precisará usar um pouco cada ferramenta para garantir um bom resultado e que satisfaça a cliente.

Secador X temperatura

Outra questão que deve ser levada em conta no momento da escovação é analisar a potência do secador e a temperatura que ele oferece. Vale lembrar que, para cada tipo de cabelo, há um secador ideal. “Eu sempre digo que é bom ter mais de um secador, porque se ele for muito forte e o cabelo muito fino você pode esquentar demais o couro cabeludo e, consequentemente, esquentar demais o cabelo”, explica. Outra dica que o profissional dá é “trabalhar com a temperatura ideal para aquele tipo de cabelo e utilizar alguns produtos cosméticos, como protetores térmicos, reparador ou finalizador para cabelos mais porosos”.

A tecnologia dos secadores também podem ajudar a modelar as madeixas. No caso de cabelos loiros, Douglas destaca que, usar secador com íons negativos junto de uma escova que tenha cerâmica, pode contribuir com mais brilho se comparar com um secador que só tem o calor, mas não tem mais nada de tecnologia, por exemplo.

Um dos segredos compartilhados pelo hairstylist é manter certa distância entre o secador e os cabelos, além de usar um nível de temperatura que fique entre o fraco e o forte. “Um cabelo mais resistente precisa de temperatura, mas um cabelo mais fino não precisa de tanta temperatura assim. Então você consegue usar o seu secador no “meio termo”. Muitas pessoas não fazem isso. Nós temos a mania de ligar no máximo e ir embora, mas você pode usar o meio termo para conseguir um bom resultado e isso, ás vezes, pode dar até uma forma mais bonita ao fio porque você tem mais tempo para modelar”, revela.

Água nos fios

Se a secagem for de cabelos cacheados, o cabeleireiro precisa identificar a quantidade de água existente no fio. Douglas ressalta que em cabelos com essa textura, o ideal é não secar 100% para em seguida fazer uma escova, pois as chances dele inflar e ficar armado são grandes. “O profissional precisa entender como cada cabelo reage ao fazer uma escova. Cabelos mais cacheados, crespos ou cacheados mais largos precisam de um pouquinho mais de água no fio. Então, se você tem um cabelo cacheado e quer ele liso, você o lava, tira só um pouco do excesso da água e já começa a escovar com ele meio molhado, meio úmido. Isso vai garantir que a durabilidade da sua escova seja muito maior. Quanto maior a transformação que você vai fazer nos cabelos, maior a quantidade de água que tem que ter nesse fio”, completa o profissional do time artístico da Taiff.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu nome aqui
Por favor digite seu comentário!